JambaKiaxi

O mundo noticioso sem preço

O pensamento político de Jonas Savimbi

Jonas Savimbi

Jonas Savimbi

Estive atento ao rol de actividades e homenagens ao líder fundador do partido da UNITA, Jonas Malheiro Savimbi que completou esse Sabado 12 anos desde que morreu.

Nas últimas horas uma publicação feita por um portal de notícias, citando a UNITA como fonte, apresenta o pensamento político de Jonas Savimbi. Para mim importam os factos e não os desejos ou vontades moribundas e fanáticas.

Como disse, vamos aos factos:

  1. Liberdade e independência total para os homens e para a pátria mãe: O principio é válido mas na prática Savimbi viu sempre de forma contrária  ao mesmo, ou seja, recusou-se até a sua apreciada morte em libertar a pátria mãe do seu doentio desejo de dirigir o país, gerido de forma pacifica e não beligerante com todas as consequências possíveis. Na Jamba, antigo bastião da ditadura, nunca ouve liberdade.
  2. Democracia: ou me engano ou a UNITA e o próprio Savimbi perderam há muito o sentido ou noção da realidade. Ele foi presidente do partido desde a sua fundação até a sua morte, fazendo um total de 36 anos e o actual presidente já vai no seu terceiro mandato contra os dois estatutários, assim fica a pergunta: se não se consegue ser democrata internamente sê-lo-iam no exterior?
  3. Soberania e privilégios pelos interesses de Angola: Como diriam os mais novos, façam-me rir! Vender-se aos americanos e condicionar o pagamento com as riquezas nunca foi nem será interesse de Angola nem dos Angolanos.
  4. Igualdade entre os Angolanos: só quero ressaltar o lapso de memoria, ou seja,  na UNITA só dos do centro-sul da etnia ovimbundo são iguais e existe nela uma tendência para a monarquia do que em qualquer outro partido, se não vejamos, o presidente fundador tem 3 filhos na alta direcção, o actual tem o irmão e 5 sobrinhos, o secretário geral “arranjou um furo” para o irmão no parlamento sem falar de tantos outros “pintinhos”
  5. Priorizar o campo para beneficiar cidade: Caso para dizer que esses tipos são mesmo doentes, priorizar o campo com minas implementadas, pra prejudicar investimento na agricultura, matar o cidadão e elevar os gastos com a desminagem.

Por tudo o que foi dito, neste 12º aniversario da morte de Jonas Savimbi, deve o povo angolano estar cada vez mais vigilante com as manobras que “certa ” posição belicista e ditatorial está a fazer rumo a destruição total de Angola e vende-la ao Tio Sam.

Por: Kiluanje Diniz

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Information

This entry was posted on 24 de Fevereiro de 2014 by in Politica and tagged , , , , , , , , , , .

Navegação

%d bloggers like this: