JambaKiaxi

O mundo noticioso sem preço

Rádio ligada à UNITA despede jornalista

82DD8A1A-4D52-49DF-90A9-3FFD1C456935_mw1024_n_sO jornalista da Rádio Despertar, Elias Fernandes, que tinha sido suspenso por denunciar alegada censura naquela estação emissora na sua página do Facebook, foi expulso daquele estação ligada à UNITA por alegada quebra de sigilo profissional.

A secretária-geral do Sindicato dos Jornalistas Angolanos, Luísa Rogério, já reagiu dizendo ter ficado surpresa com a decisão da entidade empregadora.

“Estou a ser apanhada de surpresa pois a única coisa que sabemos é que a Rádio Despertar enviou-nos um documento a abordar a suspensão do jornalista Elias Fernandes por ter denunciado na sua página do facebook uma conversa que manteve com o segundo homem da daquela emissora”, disse aquela dirigente sindical que acrescentou que o sindicato foi informado apenas da suspensão do profissional e não da expulsão.

Adiantou ainda que vai ouvir as partes para poder recorrer da decisão de expulsão.
“Vamos esperar que o jornalista accione o sindicato,” disse.

Elias Fernandes foi contactado pela VOA e, sem gravar entrevista, disse ser um processo com várias irregularidades e que irá recorrer da decisão.

Tentámos o contacto com a direcção da Rádio Despertar mas não tivemos qualquer resposta.

Anteriormente a empresa tinha afirmado que o jornalista tinha sido suspenso por quebra de sigilo profissional.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Information

This entry was posted on 22 de Abril de 2014 by in Politica and tagged , , , , , .

Navegação

%d bloggers like this: