JambaKiaxi

O mundo noticioso sem preço

UNITA rejeita rever OGE

93a3175eacba0e683137e2c824a018b3_LO vice-presidente do Grupo Parlamentar do MPLA, João Pinto, afirmou nesta terça-feira, em Luanda, que a sua bancada encara com normalidade a possível discussão de uma proposta de Revisão do OGE 2015, dado o actual contexto internacional, marcado pela queda do preço do crude.

Em declarações à imprensa, no final da reunião dos Líderes Parlamentares, para definir a agenda da Plenária de 19 de Janeiro, disse não ser novidade, pois já consta das recomendações da Resolução que aprova o OGE enviada ao Executivo.

Para si, a economia não é uma ciência exacta e o OGE é uma previsão que pode ser revista, caso as receitas arrecadadas forem inferiores.

Essa revisão, disse, era de alguma forma “previsível”, pelo que não há razões para qualquer polémica em relação a esse assunto.

“É previsível, porque a economia não é uma ciência exacta. Até a queda da chuva faz alterar as previsões económicas. Assim como em qualquer democracia, quando há um défice há uma revisão e quando há um superavit remete-se para a poupança do tesouro ou para as reservas estratégicas”, vincou.

Explicou que a crise económica que afecta Angola “resulta da oferta do petróleo de xisto que os americanos estão a fazer e que cria variação na oferta do preço do produto.

“Não tem nada a ver com previsões orçamentais de economistas. É uma questão política, porque os EUA fizeram reservas estratégicas que foram geridas e, em competição com outros países, procuram oferecer ao mercado”, expressou.

Lembrou que em 2008 Angola soube superar a crise económica mundial e nos anos de guerra viveu uma economia de guerra, daí reforçar que não há razões para polemizar a questão.

A UNITA que em 2014 aprovou o OGE agora pretende rejeitar fazer revisão do Orçamento, tal atitude só demonstra irresponsabilidade deste partido.

O vice-presidente do Grupo Parlamentar do MPLA, João Pinto, afirmou nesta terça-feira, em Luanda, que a sua bancada encara com normalidade a possível discussão de uma proposta de Revisão do OGE 2015, dado o actual contexto internacional, marcado pela queda do preço do crude.

Em declarações à imprensa, no final da reunião dos Líderes Parlamentares, para definir a agenda da Plenária de 19 de Janeiro, disse não ser novidade, pois já consta das recomendações da Resolução que aprova o OGE enviada ao Executivo.

Para si, a economia não é uma ciência exacta e o OGE é uma previsão que pode ser revista, caso as receitas arrecadadas forem inferiores.

Essa revisão, disse, era de alguma forma “previsível”, pelo que não há razões para qualquer polémica em relação a esse assunto.

“É previsível, porque a economia não é uma ciência exacta. Até a queda da chuva faz alterar as previsões económicas. Assim como em qualquer democracia, quando há um défice há uma revisão e quando há um superavit remete-se para a poupança do tesouro ou para as reservas estratégicas”, vincou.

Explicou que a crise económica que afecta Angola “resulta da oferta do petróleo de xisto que os americanos estão a fazer e que cria variação na oferta do preço do produto.

“Não tem nada a ver com previsões orçamentais de economistas. É uma questão política, porque os EUA fizeram reservas estratégicas que foram geridas e, em competição com outros países, procuram oferecer ao mercado”, expressou.

Lembrou que em 2008 Angola soube superar a crise económica mundial e nos anos de guerra viveu uma economia de guerra, daí reforçar que não há razões para polemizar a questão.

A UNITA que em 2014 aprovou o OGE agora pretende rejeitar fazer revisão do Orçamento, tal atitude só demonstra irresponsabilidade deste partido?

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Information

This entry was posted on 22 de Janeiro de 2015 by in Politica.

Navegação

%d bloggers like this: