JambaKiaxi

O mundo noticioso sem preço

Presidente da República considera seita “Luz do Mundo” uma ameaça à paz

fefwsEste pronunciamento está contido numa mensagem à Nação do Chefe de Estado em que afirma que um grupo de fiéis da Igreja Adventista do Sétimo Dia abandonou a sua congregação e decidiu criar uma seita religiosa denominada ‘A luz do Mundo’.

O grupo abandonou também a doutrina social da sua antiga igreja, que é baseada nos Mandamentos da Lei de Deus e noutros princípios da Bíblia Sagrada, e formulou a sua própria doutrina com base no fanatismo religioso, no ódio em vez do amor ao próximo, na divisão e na mentira, com o propósito de não respeitar a autoridade do Estado e de promover a anarquia.

De acordo com o Chefe de Estado angolano, essa doutrina fomenta a desintegração da sociedade e a separação das famílias, estimula o pecado e é contra os valores, os princípios morais e cívicos e os usos e costumes do povo angolano

Os seus mentores dizem que o mundo vai acabar em 2015 para assustar as pessoas, porque a Bíblia Sagrada não fixou nenhuma data para o mundo acabar. Dizem também que as famílias devem vender os seus bens, em particular as suas casas, abandonar as aldeias e vilas e viver nas montanhas e florestas.

“Isto é, na realidade, um atentado à vida e ao bem-estar das pessoas, que ficam privadas de abrigo face às intempéries, de cuidados médicos e de condições para a educação dos seus filhos”, explicou, sublinhando que é um regresso inaceitável à vida primitiva, uma violação grave dos direitos dos cidadãos estabelecidos na Constituição e uma perturbação da ordem social aí definida.

Referiu que a Procuradoria Geral da República, o Ministério do Interior e a Polícia Nacional tomaram, em tempo oportuno e em conformidade com a Lei, as medidas pertinentes para pôr termo às actividades ilegais e aos desacatos dos responsáveis da seita ‘A luz do Mundo’ nas províncias da Huíla, Bié, Huambo, Benguela e  Cuanza Sul.

A reacção violenta do chefe da seita e dos seus colaboradores mais próximos, que assassinaram os agentes da autoridade do Estado, demonstra que se está diante de indivíduos perigosos que devem ser todos rapidamente capturados e entregues à justiça.

De acordo com o Presidente da República, José Eduardo dos Santos, a acção dos órgãos de Defesa, Segurança e Ordem Interna vai continuar com o mesmo vigor para desmantelar completamente essa seita e, nesse sentido, apela-se ao apoio e colaboração de toda a população.

“Devemos render uma profunda homenagem a todos os oficiais e agentes da Polícia Nacional que com coragem e determinação sacrificaram as suas vidas no cumprimento do dever, quando foram cobardemente assassinados pelos responsáveis da seita ‘A luz do Mundo’ “,  realça a mensagem do estadista angolano.

Na óptica de José Eduardo dos Santos, por essa razão, deve-se promover ao grau imediatamente superior e a título póstumo estes bravos oficiais, organizando funerais com dignidade e dando todo o apoio necessário às famílias enlutadas.

Por outro lado, é necessário que o Governo promova, com o apoio da Sociedade Civil e das Igrejas, uma ampla campanha de educação para a ressocialização e integração de todos os cidadãos que foram enganados em outras vilas e aldeias ou nas suas terras de origem.

Orientou que o Governo deverá mobilizar os meios necessários para apoiar as províncias atingidas por este fenómeno.

“Importa, pois, que a Polícia Nacional e os outros Órgãos de Defesa e Segurança reforcem a vigilância e a acção para garantir a paz e a tranquilidade das pessoas”, conclui o  Presidente da República.

Fonte:Angop/Jambakiaxi

Advertisements

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Information

This entry was posted on 20 de Abril de 2015 by in MPLA, Opinião Publica, Politica, Sociedade, UNITA and tagged , , , , .

Navegação

%d bloggers like this: